0

pfSense – Instalação e configuração inicial.

Download feito, mídia queimada, vamos à instalação.

Após o boot, essa é a primeira tela, que se você estiver de bobeira nem vai ver, pois ela só é exibida por 5 segundos, dá um Enter ou deixa rolar.

Sabe aqueles termos que ninguém lê…

Install…

Escolha o teclado e “S” ou navegue até o Select com o Tab.

Eu não vi nenhuma necessidade de particionamento diferenciado, então eu fui de Auto mesmo.

E aguarde a cópia dos arquivos e a instalação.

Caso seja necessária alguma configuração adicional via shell (prompt) selecione Y, no meu caso, fui de N.

Será necessário reiniciar o sistema.

Instalação concluída! Agora vamos começar as configurações. Ao reiniciar, ele vai procurar pelas placas de rede e é imprescindível que o sistema as encontre, dando tudo certo, ele vai te mostrar as interfaces válidas e te perguntar se quer criar uma VLan, no meu caso não é necessário (acredito que no seu também não) então N.

É possível ver que ele deu um nome qualquer para as duas interfaces de rede e mostrou o status de ambas (down, pq estão desconectadas). Após decidir sobre a VLan, você deve dizer quem vai ser a sua Wan e Lan.

Confirmado, as interfaces vão tentar pegar IP e agora você tem a tela de boas vindas do pfSense.

Não vou explicar as opções, (elas são bem diretas) vou só deixar uma observação no que diz respeito as interfaces. É possível na opção 2) Set interfaces IP address configurar o IP das interfaces pelo shell mesmo, mas resolvi fazer isso pela interface web.

Para acessar a interface web, basta entrar com o ip da Lan no navegador de um computador que esteja nessa rede. O login default é: admin e a senha pfsense.

Ao acessar pela primeira vez, temos um assistente para as primeiras configurações.

O passo 1 é sobre o suporte que é oferecido, você pode ler mais sobre isso ou clicar em Next.

Passo 2: você pode configurar um nome, um domínio e DNS.

Passo 3: ele já vem configurado com um servidor de tempo, mas eu preferi usar o a.ntp.br, a timezone você vai trocar para uma mais adequada com sua região.

Passo 4: configurar a Wan.

Passo 5: Configurar a Lan.

Passo 6: redefinir a senha do administrador.

Clique em Reload.

Clique para continuar no pfSense WebConfigurator.

Pronto, aí está o Dashboard do pfsense.

Observações: Configurando um IP público e DNS na Wan, o interno na Lan, basta você configurar o IP da Lan do pfSense como gateway do seu cliente que ele já conseguirá navegar na internet. Se você for em: Firewall/Rules/LAN, verá que já existem duas regras default (IPv4 e v6) permitindo o todo o tráfego pela LAN.

Tive um contratempo com resolução de nomes em alguns sites então depois de muito pesquisar, testar e errar até acertar, consegui resolver da seguinte forma:

1. Vá na aba Services/ DNS Resolver e desmarque esta opção.

2. Vá na aba Services/DNS Fowarder, marque esta opção e em Interfaces selecione LAN.

3. Caso use o DNS do Windows, vá nas propriedades do seu servidor DNS/Encaminhadores e defina a LAN do pfSense como um encaminhador.

plague70

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *